sexta-feira, 4 de abril de 2014

Em Campina Grande, PSDB oficializa pré-candidatura de Cássio Cunha Lima ao Governo do Estado da PB

O senador Cássio Cunha Lima (PSDB) começou entrevista coletiva, em Campina Grande, após o anuncio oficial da candidatura do PSDB, dizendo que não deve satisfação ao governador Ricardo Coutinho sobre os motivos do rompimento e escolha por candidatura própria. "Se o povo deseja minha candidatura e não vou fugir dessa luta”, enfatizou.

Diante da presença da cúpula tucana, o PSDB ratificou as posições já firmadas em Patos e Guarabira, decidindo pela candidatura do senador Cássio Cunha Lima ao governo do Estado.

Relembrando a cassação em 2007, Cássio negou problemas com a Lei Ficha Limpa e garantiu que é elegível. A justificativa dele é que sua inelegibilidade foi de três anos e que, portanto, já foi cumprida. Até se o prazo fosse maior, de oito anos, ele destaca que também estaria elegível em outubro deste ano.

O evento que conta com a presença do senador Cássio Cunha Lima, começou agora a pouco. O encontro feito hoje teve o intuito de avaliar se o partido vai apresentar candidatura própria para o governo do Estado nas eleições de 2014. A ideia é manter as posições definidas nos dois eventos anteriores realizados em Patos e Guarabira.

Além de toda cúpula tucana, o evento conta com a presença de alguns deputados Democratas e do PEN. A perspectiva é que o ex-prefeito de João Pessoa Luciano Agra seja anunciado como pré-candidato a vice na chapa de Cássio. Ao chegar na AABB, o presidente estadual do PSDB, deputado Ruy Carneiro, disse que o partido, agora que definiu que vai apresentar candidatura própria nas eleições para o Governo do Estado, vai permanecer com as consultas aos filiados.

Segundo ele, o momento será para arregimentar propostas que vão compor um programa de governo, a ser apresentado para população. Ruy anunciou que vai ser feito no dia 13 de abril, duas convenções, sendo pela manhã em Conceição e à tarde em Pombal.

PBAgora

Nenhum comentário: